Tempero

Categorias

Histórico

Bastam 5 minutos para ter um jantar delicioso com cuscuz marroquino

Claudia Lima

17/07/2018 04h00

Foto: Fernando Martinho/Divulgação
Acho que não existe nada mais chato do que chegar em casa depois de um dia inteiro de trabalho e ainda ter de preparar o jantar. Principalmente se você não tem nada congelado e que possa ir direto pro forno ou micro-ondas (quem nunca?). O ritual é o mesmo em todo lugar: abrir a geladeira, ficar olhando (às vezes, para o vazio) e ficar minutos pensando o que fazer.
Nessas horas de quase desespero (para não atacar outras coisas calóricas), lanço mão de um ingrediente que é sempre uma boa opção.  Cuscuz de sêmola. Nunca ouviu falar? Ele é a base do famoso cuscuz marroquino, prato do norte da África famoso no mundo inteiro — em 2011 já foi eleito o terceiro prato mais popular na França — e sua textura é semelhante a do cuscuz nordestino. A parte boa? Ele fica pronto em apenas cinco minutos. Sim, cinco minutos e é um ótimo substituto do arroz.

Para acompanhar, geralmente, usa-se ensopados de carne, frango ou legumes. O que funciona muito bem, já que o cuscuz tem um sabor neutro que pode ser realçado com temperos, simples — como sal e pimenta — ou especiarias, se quiser dar um toque mais exótico.

Mas, como eu estava dizendo aí em cima, nem sempre temos algo pronto e é nessas horas que o cuscuz mostra a que veio: ele vai com tudo. Quer um exemplo? Servido morno ou frio, pode virar uma salada e tanto: basta acrescentar castanhas, legumes cozidos, verduras, frutas secas, tomate e abusar dos temperos.

Não se deixe levar pelo preço: apesar de um pouco salgado –uma caixinha de 500 grs de cuscuz custa em torno de R$ 15 nos supermercados– porém é um ingrediente que rende muito.

Mas e para preparar? Em uma tigela, coloque 1 xícara de cuscuz e junte a mesma medida de água fervendo. Tampe e conte 5 minutos. Pronto. Tempere a gosto com sal, pimenta e 1 colher de sopa de manteiga. Esta medida serve até três pessoas (se tiver um acompanhamento). Pronto, depois é só ser feliz.

Veja sugestões de como preparar:

Cuscuz Marroquino Real
Bife de Filé Mignon com Cuscuz Marroquino
Curry de Abóbora com Cuscuz Marroquino

Sobre a autora

Jornalista formada pela PUC-SP, Claudia Lima sempre esteve às voltas com as panelas e música. Trabalhou em veículos como Folha de S. Paulo, Revistas Tpm e Trip, Gol e Veja São Paulo. Criou e coordenou o canal de notícias e receitas UOL Comidas. Hoje, resgata suas memórias com sua empresa "Doces Bárbaros da Clo", especializada em bolos e sobremesas.

Sobre o blog

Um espaço para quem ama saber novidades da gastronomia e quer aprender a fazer receitas simples, práticas e gostosas. Sem afetação!

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Topo