Tempero

Categorias

Histórico

Descubra o segredo para fazer tortas e quiches perfeitas

Claudia Lima

20/05/2018 09h20

Taí o tipo de prato que só precisa de uma saladinha pra acompanhar e que já se transforma em uma refeição gostosa e com sustância (apesar de leves).

Eu particularmente sempre amei tortas. Para mim, aquele momento de cobrir o recheio com uma gradinha de massa, dando acabamento bem rústico (para não dizer simplinho), sempre fez das tortas um prato “de festa”. Mas depois do advento das tortas de liquidificador, mais simples e praticas de preparar eu confesso que não preparo uma há anos.

Veja também

Então eu pergunto: para começar, o que é mais importante em uma torta, o recheio ou a masssa. Bem, os dois.

Massa sequinha
“Na hora de preparar a massa, é importante que ela leve alguma gordura – pode ser azeite mas principalmente manteiga”, diz Luciana Costa, da Dona Manjerico. É ela que vai deixá-la crocante. Trabalhe a massa apenas para misturar os ingredientes, sem sovar muito. Se utilizar manteiga, é bom leva-la à geladeira pelo menos meia hora antes de abri-la (rapidamente) sobre a forma. Assim, a massa ficará no ponto certo. Leva à geladeira novamente por mais 15 minutos e só depois estará pronta para ir ao forno (não esqueça de reservar uma parte para faer a decoração).

Recheio cremoso
A melhor parte: os mais clássicos são frango, palmito e camarão. Mas que tal provar outras combinações como carne picada cozida na cerveja (perfeita para o inverno)? “Um recheio molhadinho e cremoso combina muito bem com a crocância da massa. Mas é preciso tomar cuidado para não deixá-lo muito líquido, pois a torta pode desmontar”, explica. “O ideal é encontrar o equilíbrio, com a massa crocante e recheio cremoso e molhadinho”.

À francesa
Segundo Luciana, podem ser feitas com a mesma massa da torta. “A diferença é que esta versão francesa não é coberta com massa, mas sim um creme à base de ovos e creme de leite. Na hora de finalizar, os ingredientes é que fazem a decoração. Por isso, o legal é sempre colocar algo que a deixe bonita e apetitosa, claro”. Álém da clássica Lorraine (com queijo e bacon), abuse de legumes diversos como aspargos, tomate seco, espinafre e outros legumes da estação, sempre misturados com queijos. “Costumo fazer uma com cebolas, gorgonzola e nozes. A combinação fica irresistível”, ensina Luciana.

 

Sobre a autora

Jornalista formada pela PUC-SP, Claudia Lima sempre esteve às voltas com as panelas e música. Trabalhou em veículos como Folha de S. Paulo, Revistas Tpm e Trip, Gol e Veja São Paulo. Criou e coordenou o canal de notícias e receitas UOL Comidas. Hoje, resgata suas memórias com sua empresa "Doces Bárbaros da Clo", especializada em bolos e sobremesas.

Sobre o blog

Um espaço para quem ama saber novidades da gastronomia e quer aprender a fazer receitas simples, práticas e gostosas. Sem afetação!

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Tempero
Topo